Exportar

Exportação: o Problema que Impede Todo Empresário de Exportar

Exportação: você sabe qual é o maior entrave para você exportar seus produtos para grandes mercados internacionais, como China, Estados Unidos e Países Baixos?

Por que muitas empresas como a sua AINDA não exploram o mercado exterior?

Falta de Atitude!

Sim, é uma questão de escolha.

Exportar, hoje e para os próximos 10 anos, é uma das melhores opções quando se fala em custo-benefício e diversificação de riscos.

Participando do Comércio Internacional, você evita a sazonalidade de um único mercado, não fica restrito à oscilação do real, explora mercados aquecidos e aumenta a competitividade da sua empresa, levando a um padrão de qualidade que refletirá diretamente nas suas vendas. 

Mas, é preciso ter Atitude. Por isso, vou te convidar a conhecer alguns alguns passos que podem te ajudar a ingressar no Mercado Exterior com o pé direito. Vamos lá?

Principais Obstáculo para Exportação

O Brasil está entre as 10 maiores economias do mundo, além de contar com uma produção industrial diversificada.

Porém, toda essa produção não se reflete em venda para mercados internacionais: nosso percentual de exportações em relação ao PIB é de apenas 12%. Confira os principais motivos:

  • ENCARGOS, TAXAS E TARIFAS: Quer sejam as taxas cobradas pelos órgãos brasileiros envolvidos no comércio exterior (comex), terminais portuários e afins, ou as tarifas de importação do país que negocia, seguros aplicados à carga e outros pormenores – tudo isso encarece todo o processo e deve estar em sua mente antes de começar no mercado de exportação;
  • TRANSPORTE: Um dos atrativos da exportação (quando comparado ao transporte dentro do Brasil), assim como um dos maiores obstáculos (frente à nossa oscilação cambial). O custo do transporte sempre preocupa os exportadores, e a maior reclamação são as taxas de juros e o câmbio;
  • BUROCRACIA ALFANDEGÁRIA: Ainda que venha sendo flexibilizada, a burocracia alfandegária ainda não é tão fluida quanto a existente em países de comércio mais aberto, como o Paraguai ou a China, por exemplo;
  • TIMIDEZ BRASILEIRA: Parece um ciclo vicioso, e até pode ser caracterizado como tal. O ciclo da timidez ocorre da seguinte forma – uma ínfima quantidade de empreendedores investe na exportação, com isso o Estado não vê necessidade de fixar bons acordos comerciais com potências exteriores, consequentemente, os custos passam a ser desinteressantes, dificultando o acesso aos mercados externos, e assim, menos brasileiros ingressam no comércio internacional.

Como Prosperar no Mercado Exterior

Abrir as portas para negociações exteriores cria oportunidades imensuráveis para sua empresa. Por isso, confira os 5 passos para prospectar no mercado exterior.

  1. Avalie as condições de sua empresa. Assim como um barco que vai mudar da navegação em calmos rios para o alto mar, é necessário saber se você e sua empresa vão aguentar o tranco. Qual a capacidade produtiva que você possui? Alguma parte dela está ociosa? Consegue aumentar a produção em algum nível? 
  2. Foque em um mercado. Sabendo que você poderá ingressar no mercado exterior, agora é focar num mercado específico. Com isso, você terá maiores chances de firmar negócios lucrativos, assim como, poderá ter um norte mais claro e objetivo de atuação.
  3. Utilize a Nomenclatura Comum do Mercosul: Conhecida também como NCM, é um código composto por 8 dígitos e é adotado desde 1995 para definir quais são as alíquotas incidentes nos impostos de importação. A Classificação Fiscal é de vital importância para a organização tributária de sua empresa e controle do fisco. Caso encontre dificuldades em organizar esse ponto, não hesite em conversar com profissionais especializados em Comércio Internacional, como a Global.shop.
  4. Divulgue seus Produtos: Quer seja através da participação de feiras, investimento em marketing internacional, ou pelo cadastro dos seus produtos em marketplaces como da Amazon, eBay, Global.shop, entre outros, que trarão visibilidade para sua marca, aprofundando seu branding internacional.

Para o Passo 5, é preciso dar uma maior ênfase nos tipos de Exportação, se direta ou indireta, por isso, continue lendo…

Exportação Direta e Indireta

A exportação de bens pode ser feita dessas duas formas:

  • DIRETA: Nessa operação, o produto exportado é faturado pelo próprio produtor ao importador.
    Nesse tipo de exportação, geralmente atuam apenas as empresas que possuem grande conhecimento do processo de exportação, suas extensões e pormenores específicos, quer sejam os impostos, taxas, tarifas, prazos e documentos exigidos pelas aduana.
    Todo o processo fica nas mãos de você, exportador.
  • INDIRETA: Realizado por empresas que fazem o intermédio da transação, elas podem ser desde empresas comerciais exclusivamente exportadoras; empresas comerciais que operam em comércio externo e interno; ou, por fim, trading companies, que são especializadas nesse ramo da prestação de serviços.
    Nesse caso, essa terceira participante fica responsável por toda burocracia, trâmites de aduanas, logística, transporte  e organização da exportação, reduzindo as preocupações do empresário. Esse serviço é oferecido pela Global.shop. Conheça mais aqui.

Pense Grande

Pensar em vender seus produtos para além do Brasil é pensar grande.

É pensar em ampliar o seu negócio e fazer com que a sua empresa dê um passo além dentro do seu segmento.

É ganhar competitividade, aproveitar a sazonalidade de outros mercados, negociar em dólar, atacar mercados emergentes, imprimir um padrão de qualidade internacional para sua empresa.

Todo crescimento exige dedicação. Se você quer vender mais, e para mais mercados, mas não gostaria de passar por todo esse processo burocrático com a Receita Federal e aduanas, temos uma boa notícia. Nós fazemos para você.

Nós da Global.shop conectamos sua empresa aos maiores Marketplaces Internacionais como a Amazon e eBay e você fica livre da parte técnica. Aproveite nossa expertise de mais de 25 anos com trading e concentre-se unicamente na qualidade do seu produto. Nós assumimos a parte burocrática, os processos de aduana, logística e transporte de mercadoria.

[inbound_button font_size=”20″ color=”#e77b05″ text_color=”#ffffff” icon=”” url=”https://www.global.shop/comex/qual-e-o-marketplace-ideal/” width=”” target=”_self”]Conheça os Principais Marketplaces Internacionais[/inbound_button]

Comentários

Shop By